A Secretaria de Agricultura, em parceria com a Prefeitura e Câmara de vereadores de Bonito-BA, promoveu na última quarta-feira (04) o Seminário da Cultura do Maracujá para produtores do fruto na região. O encontro teve como objetivo ensinar as práticas e o manejo do plantio do maracujá para se obter uma colheita de qualidade. O evento, que durou o dia todo, reuniu grande quantidade de agricultores e contou com a presença de autoridades da cidade e região. A iniciativa é do Prefeito Reinan Cedro de Oliveira e do Vice-Prefeito e secretário de Agricultura Cássio Henrique.

Também compareceram ao evento o Diretor de Meio Ambiente Egídio Cruz e o vereador e presidente do legislativo local Alek Sandro Santana Beu, os vereadores de Bonito Antônio Sampaio (Cobal), Marcinho da Saúde, Amauri e Ueriton, o vereador e ex-vereador de Iraquara Paulo Henrique e Paulo Sérgio Gunes Vieira respectivamente.

O palestrante, técnico e pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuária (EMBRAPA), Dr. João Roberto Pereira de Oliveira trouxe para os seminaristas sua experiência em pesquisas focadas na produção do maracujá. Ele ensinou as técnicas para se alcançar um produto com qualidade, explicando o processo desde a preparação do solo até a colheita do fruto.

Além disso, o pesquisador alertou sobre pragas como cupins, abelhas, cigarrinha verde, besouro das flores, lagartas, dentre outros insetos que prejudicam o maracujazeiro, e também sobre as doenças (micro e macro organismos) que afetam o plantio e como evitá-los.

Os agricultores que fizeram parte da palestra, além de ouvirem, compartilharam suas experiências e trouxeram algumas soluções que deixaram o evento mais dinâmico. Um agricultor contou que, para diminuir a infestação no plantio, ele deixa o mato se desenvolver ao redor da plantação para atrair as pragas e doenças, evitando a chegada destes no maracujazeiro. De acordo com o Dr. João Roberto, a iniciativa é correta e afirma que “o plantador de maracujá que deixa o solo no entorno da planta limpo não entende dessa cultura”.

Para o Prefeito Reinan de Lourinho, o carro chefe do seu projeto de trabalho é a agricultura, pois o café, produto chave dos agricultores de Bonito e região, não teve um rendimento satisfatório em 2016 por conta da seca prolongada. Segundo ele, a pretensão é diversificar a cultura, pois “uma das realidades do nosso município é justamente o maracujá como cultura autossustentável no caso da agricultura familiar, que já incentiva o agronegócio”, afirma.

O Prefeito também declarou que assumiu a responsabilidade, juntamente com a secretaria de agricultura, de incentivar o pequeno e médio produtor. Garantiu ainda que a secretaria vai estar mais próxima dos pequenos produtores através de núcleos em Botafogo, Cabeceira do Brejo e Catuaba para fazer um acompanhamento minucioso de todos os passos da produção, possibilitando uma lavoura de qualidade e com uma rentabilidade a ser alcançada em médio prazo, e, assim, melhorar a economia do município consideravelmente.

A produção do maracujá em Bonito atualmente é de 8 toneladas por ano, podendo chegar futuramente a 20 ou 30 toneladas por ano. Segundo o secretário de agricultura, Cássio Henrique, o maracujá vem sendo cultivado há três anos e já é uma realidade do município. Além disso, os palestrantes destacaram que, apesar das dificuldades de cultivo, o investimento no negócio é viável e produtivo.

Por esse motivo, é essencial a realização desse evento que pôde proporcionar mais conhecimento aos participantes. “Como cresceu muito a produção do maracujá, a gente trouxe hoje o Dr. João que é um conhecedor profundo da Embrapa, para compartilhar seu vasto conhecimento com nossos produtores”, afirma o secretário. O evento terminou com o feedback positivo dos agricultores e organizadores que elogiaram a iniciativa do prefeito e vice-prefeito da cidade. 


Os moradores de 19 municípios do centro norte da Bahia não precisarão mais se deslocar da região onde moram para realizar serviços médicos especializados, com a construção do Policlínica Regional de Irecê. Neste sábado (29), o governador Rui Costa visitou a unidade, que já está com mais de 70% das obras construidas e recebe um investimento de R$ 22 milhões. O governador autorizou ainda a abertura da licitação para a construção da pista que dará acesso à policlínica e inaugurou uma escola de tempo integral.

Prevista para ser inaugurada em julho deste ano, a policlínica vai oferecer serviços em 18 especialidades médicas e exames de apoio ao diagnóstico. “Esta é uma transformação na saúde da Bahia com a regionalização da oferta de serviços públicos. Hoje a população de Irecê paga no particular ou precisa ir para Salvador para fazer exames como ressonância, tomografia e endoscopia. Todos esses exames serão feitos aqui na policlínica, que vai beneficiar todos os municípios da região. É esta a filosofia que estamos implantando”, destacou Rui.

O investimento beneficiará mais de 420 mil pessoas. Para o mecânico Claudinei Santos, a unidade vai mudar a vida dos moradores da região. “Não vamos precisar nos deslocar para outras cidades para receber atendimento de qualidade. É uma melhora muito grande para quem vive não apenas em Irecê, mas nas áreas próximas”, afirmou.

Estiveram presentes na visita ex e atuais prefeitos dos municípios que administrarão a unidade de saúde por meio de um consórcio de saúde, que garante que 60% do custeio seja rateado entre os participantes e os 40% restantes será bancado pelo Estado.

Já são nove os consórcios implantados no estado. Além de Irecê, as regiões de Santo Antônio de Jesus, Teixeira de Freitas, Jequié, Guanambi, Camaçari/Salvador, Feira de Santana, Valença e Alagoinhas já possuem consórcios de saúde. Estão com policlínicas em construção Teixeira de Freitas (67,62%), Jequié (70,56%) e Guanambi (57,45%). A meta é que, até 2018, mais de 5 milhões de baianos estejam sendo atendidos em policlínicas regionais.

Educação

Além dos investimentos na área de saúde, o governador inaugurou oficialmente a Escola Municipal José Francisco Nunes, no distrito de Itapicuru, em Irecê, onde estudam 263 alunos. Com quatro salas de aula, salas de informática, biblioteca, cantina e setor administrativo, os estudantes têm aulas de disciplinas como filosofia, inglês, música e horticultura.

“Essas atividades ajudam a melhorar a comunidade. A importância dessa obra na vida dessas crianças é enorme. Será certamente um diferencial na vida delas. A partir de maio, nós vamos funcionar em tempo integral, dando suporte para que esses jovens sigam um bom caminho e fiquem fora do mundo das drogas”, explicou a diretora da escola, Jucileide Pereira. Na unidade é oferecido ensino fundamental do 1º ao 6º ano.

Os secretários estaduais da Educação, Walter Pinheiro, e de Desenvolvimento Econômico, Jaques Wagner, e a senadora Lídice da Mata acompanharam o governador em Irecê.

Itaguaçu da Bahia

Neste sábado (29), Rui ainda inaugurou o sistema de abastecimento de água dos povoados de Lages, Várzea Grande, Riacho da Carnaúba e Tabatinga, no município de Itaguaçu da Bahia, no Vale do São Francisco. O governador também inaugurou a creche municipal Professora Ariane Marques de Souza e autorizou a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) a celebrar dois convênios no âmbito do Programa Bahia Produtiva.

Fonte: Secom/BA


 

Foto: Divulgação

O ex-prefeito de Utinga, Luiz Alberto Silva Muniz, foi multado em R$15.750,00 pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). O motivo foi a contratação irregular de artistas e bandas através de inexigibilidade de licitação, na qual a Lei desobriga o procedimento de licitação quando não há competidores. O custo total das contratações foi de R$315.000,00 no exercício de 2016 do político.

O relator do processo, conselheiro Mário Negromonte, afirmou que as cartas de exclusividade apresentadas não acompanham os documentos que atestam o vínculo legal dos cedentes em relação às bandas e artistas. Com isso, não se pode legitimar e conferir legalidade aos contratos de cessão de direitos e obrigações.

Nesse caso, seria impossível comprovar que o cedente possuía poderes de representação em relação às atrações artísticas antes mesmo da assinatura dos contratos. Desse modo, a contratação realizada fica comprometida. O ex-gestor ainda pode recorrer da decisão.

Mostrando a Bahia com informações da Ascom/TCM


Cerca de 500 agricultores de projetos públicos de irrigação da região já solicitaram cálculo de desconto para pagamento integral de dívidas de tarifa d’água e titulação.

Desde o início, em fevereiro, da campanha que oferece descontos para a liquidação de dívidas de titulação de lote e tarifa d’água a agricultores de projetos públicos de irrigação mantidos pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), cerca de 500 produtores do Médio São Francisco baiano já solicitaram à Companhia o cálculo de seus débitos e dos desconto aplicáveis.

O Médio São Francisco baiano é área de atuação da 2ª Superintendência Regional da Codevasf, sediada em Bom Jesus da Lapa. Cerca de 2,3 mil agricultores dos projetos públicos de irrigação que funcionam na região terão a chance de quitar integralmente suas dívidas com titulação de lote e tarifa de água (conhecida como K1), beneficiando-se dos descontos oferecidos por meio de Portaria do Ministério da Integração Nacional (MI).

“É fundamental a participação de todos; que os irrigantes compareçam à Codevasf para verificar as condições, os valores que deverão ser pagos para quitar esses débitos. Os irrigantes têm até novembro deste ano para aproveitarem as condições, contudo é importante que se antecipem porque a procura está sendo muito grande. Espero que aproveitem a oportunidade que deve melhorar as condições de trabalho e de vida de todo produtor pessoa física dos perímetros públicos irrigados”, afirma o superintendente regional da Codevasf, Harley Nascimento.

“A Lei 13.340 vem solucionar grande parte dos problemas financeiros dos perímetros irrigados. Desde que temos conhecimento, jamais houve uma lei que viesse facilitar a quitação de débitos tanto junto à Codevasf, como junto a agentes financeiros como Banco do Nordeste e Banco do Brasil. E nesse momento o Governo Federal dá um considerável rebate nas dívidas das titulações do K1”, acrescenta.

Os descontos previstos na Lei 13.340/2016, que trata da liquidação integral das dívidas, variam de 10% a 95%. “A demanda está favorável. Temos muita procura por parte dos irrigantes. Em apenas dois meses cerca de 500 irrigantes já nos procuraram para buscar informações e fazer os cálculos. Muitos já deram entrada no processo enquanto os outros estão buscando a documentação necessária e uma forma de viabilizar os recursos para quitarem as suas dívidas”, diz Cátia Andrade, técnica do setor de cobranças da Codevasf na 2ª Superintendência Regional.

“Essa possibilidade de negociação só trouxe benefícios, pois viabiliza a regularização junto à Codevasf, tornando os irrigantes adimplentes e facilitando a obtenção a outros créditos. É uma oportunidade única e o mais importante é que os valores pagos nessa negociação serão revertidos em benefícios para os próprios irrigantes, já que a Codevasf irá investir nos próprios perímetros”, diz Nelson Esteves Júnior, produtor de banana, do Projeto Formoso, um dos que procurou a Codevasf para realizar o cálculo dos descontos.

Treinamento

A 2ª Superintendência da Codevasf realizou treinamento para habilitar profissionais do escritório da Companhia em Irecê, e também do Distrito de Irrigação de Mirorós, igualmente situado em Irecê, para que realizem atendimento aos agricultores do projeto de irrigação de Mirorós e cálculos dos descontos para liquidação das dívidas dos produtores.

O treinamento realizado em Irecê foi coordenado comandado por Hélio Carvalho, técnico do setor de cobranças da Codevasf na 2ª Superintendência Regional da Companhia. “A ação foi muito importante para capacitar outras pessoas para realizar esse trabalho para que alcancemos o maior número de irrigantes possível e também para padronizar o procedimento”, diz Hélio Carvalho.

Encontros semelhantes já foram realizados nos projetos Formoso, Formosinho, Barreiras Norte, Estreito, Ceraíma, Nupeba/Riacho Grande e São Desidério/Barreiras Sul ou nos Escritórios da Companhia próximos desses projetos de irrigação. As reuniões têm também o objetivo de informar e desenvolver ações de divulgação dos descontos, em parceria com os Distritos de Irrigação – entidades que administram os perímetros.

Condições

As condições e normas para concessão dos descontos beneficiam irrigantes pessoa física que optarem pela liquidação dos débitos ainda neste ano. Mais de 10 mil produtores de projetos da Codevasf situados em todo o Vale do São Francisco, região afetada por estiagem prolongada, podem usufruir da medida. Sem os descontos, o valor atualizado das dívidas acumuladas por eles, até dezembro de 2016, era de R$ 172 milhões.

As variáveis que determinam o percentual de desconto aplicável à dívida de cada agricultor são: valores originais das dívidas, datas de contratação dos débitos e localização dos empreendimentos de irrigação (dentro ou fora da região do semiárido). Os descontos são válidos apenas para pagamento total do saldo atualizado das dívidas de titulação e de tarifa d’água. Mesmo os agricultores que participaram de processos de renegociação de suas dívidas no passado poderão obter o desconto para liquidação dos débitos. (Codevasp)


O Ministério da Integração Nacional reconheceu, nesta sexta-feira (5), situação de emergência em oito cidades baianas e em outros 21 municípios de diferentes estados. Na Bahia, a emergência é decorrente do longo período de seca e estiagem que está afetando fortemente as cidades de Sobradinho, Novo Horizonte, Livramento de Nossa Senhora, Capim Grosso, Mansidão, Cansanção, Senhor do Bonfim e Jeremoabo. Com o reconhecimento, as prefeituras poderão ter acesso a apoio de emergência no socorro e assistência à população. Além da Bahia, o reconhecimento auxiliará o restabelecidos dos serviços essenciais e a recuperação de áreas danificadas por desastres naturais em Sergipe, Minas Gerais, do Pará, Mato Grosso e Rio Grande do Sul.


A prefeitura municipal de Irecê divulgou esta semana a programação oficial dos festejos juninos da cidade. A festa acontecerá entre os dias 22 e 26 de junho trazendo 28 atrações musicais ao todo. Targino Gondin, Dorgival Dantas, Jorge e Mateus, Limão com Mel e Marília Mendonça são alguns dos convidados.

A Praça Clériston Andrade, onde acontecerá o evento é conhecida durante os festejos de “Arraiá das Caraíbas” e será o palco para as emoções dos foliões. O São João de Irecê atrai um grande público da região e turistas de outros estados e é um dos mais movimentados da Bahia.

Confira as atrações:

No dia 22 (quinta) subirá ao palco Sanfoneiros, Claudinho do Acordeon, Felippe Rodrigues, Jorge e Mateus, Xinela de Couro e Forró a Lenha. O segundo dia de festa, dia 23 (sexta), conta com a presença de Filhos de Gonzaga, Dorgival Dantas, Fulô de Mandacaru, Vagner o Filé do Forró, Alex e Axel e Forró Piá.

Sábado, dia 24 é a vez de Nil & Ângelo, Thiaguinho Brasil, Limão com Mel, Naldinho e Léo Rios, Forrozão Menina Fogosa e Banda Amor e Vinho. Já o domingo, dia 25, fica no comando de Larissa Marques, Targino Gondin, Massapê, Mano Walter e Zefa di Zeca. Para o último dia de festa, dia 26 (segunda) não poderia faltar Marquinhos do Forró Furado, Kevy Jonny, Alan Júnior, Marília Mendonça e Amanda Santiago.

Mostrando a Bahia com informações do site São João do Interior


Foto: Cipe/divulgação

A Companhia Independente de Policiamento Especializado da Chapada Diamantina (Cipe/Chapada) celebrou, na terça-feira (2), o primeiro ano de atividade. Com sede em Ruy Barbosa, no centro norte da Bahia, a Cipe/Chapada conseguiu barrar as investidas contra unidades financeiras nos últimos meses, no território composto por 41 cidades. A incidência de roubos relacionada a agências bancárias, carros-fortes, terminais de autoatendimento e outros diminuiu consideravelmente com a ação da Cipe.

O objetivo da unidade, segundo informações da Ascom/SSP, é reforçar a segurança no interior do estado e combater quadrilhas especializadas em tráfico de drogas e roubo a bancos. Como resultados, a companhia tem apresentado a prisão de grupos criminosos, o combate ao plantio e comercialização de drogas e ampliação da sensação de segurança para a população de diversos municípios. “Estamos há mais de 140 dias sem registro de roubos a bancos”, afirma o comandante da Cipe/Chapada, major PM Ricardo Passos.

Todos os 98 PMs que atuam na Cipe/Chapada foram exaustivamente treinados para suportar privações e situações de clima extremo. “Já ficamos cerca de três dias na mata em busca de criminosos”, exemplifica o comandante. Para fazer parte dessas companhias especializadas, o policial passa por um processo seletivo que avalia seu preparo físico, emocional, ético e psicológico.

Não é só no combate ao crime que o grupo atua, mas também com a solidariedade. Os policiais da companhia se engajam em causas sociais. Em abril, eles entregaram doações como alimentos, roupas, água, entre outros materiais para moradores de Lajedinho, que haviam perdido bens nas fortes chuvas. Mostrando a Bahia, com informações da Ascom/SSP


Foto: Divulgação

As comemorações para a tradicional Festa do Divino, na cidade de Andaraí, Chapada Diamantina, já têm data para acontecer. A festa oficial está prevista para ocorrer entre os dias 01 e 04 de junho de 2017, de quinta a domingo, com diversas atrações musicais e religiosas. A partir do dia 26 de maio será realizado o novenário da igreja que vai até o dia 03 de junho (sábado) quando haverá a lavagem da igreja.

As apresentações estão diversificadas e atraentes. A programação do dia 1º fica por conta da Quinta Cultural, com o desfile do bloco Amores Ciganos, e com o Ocupa Praça, na Praça do Garimpeiro. Targino Gondim e Lordão lideram o palco na sexta (02/06). Comandada por Levi Lima, a banda Jammil, e os cantores Naldinho, Léo Rios e Guig Guetto movimentam o público no sábado (03/06).

Já no domingo (04/06), último dia de festa, haverá comemorações religiosas nas quais acontece a Festa de Pentecostes com alvorada às 5h, missa solene às 10h, procissão às 16h e, logo após, entrega da coroa e bandeira ao imperador de 2018, herança cultural da cidade. É um momento cultural de Andaraí que merece ser conferido de perto. Mostrando a Bahia, com informações do Jornal da Chapada.


Usuários do WhatsApp em diversas partes do mundo relataram que o aplicativo está fora do ar na tarde desta quarta-feira (3). Durante todo o dia, a ferramenta passou por instabilidade. Em algumas regiões, o WhatsApp continua fora do ar desde às 17h.

A falha afetou a conexão dos usuários, que não conseguem se comunicar com seus contatos tanto na rede wi-fi quanto nos dados móveis. O problema, contudo, não é geral: no momento da falha, havia pessoas que conseguiam se conectar e outras não.

As falhas eram apontadas principalmente por usuários brasileiros e europeus, mas vinham também de outras partes do mundo, como Estados Unidos e México.


O governador Rui Costa anunciou na última segunda-feira (1º), Dia do Trabalhador, que os professores interessados na ‘Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe’ já podem procurar a unidade de ensino onde atuam para formalizar o pedido. A solicitação também pode ser feita no SAC Educação ou nas sedes dos Núcleos Territoriais de Educação (NTE). São oferecidas três mil bolsas para professores efetivos da rede estadual que exercem atividades nos ensinos fundamental e médio e que já completaram as exigências para a aposentadoria voluntária.

“É uma ação de valorização a esse importante trabalho desempenhado pelos professores em sala de aula. Esperamos que a experiência desses professores impulsione ainda mais a transformação das nossas escolas, contribuindo para a construção de futuro promissor dos jovens baianos”, comentou Rui em seu perfil oficial no Twitter (@costa_rui). As bolsas são de R$ 800 e R$ 1.600 para os professores com carga horária de 20 e 40 horas, respectivamente. Além de ter completado as exigências para a aposentadoria, é necessário estar lotado em uma unidade escolar e ter optado por permanecer em efetiva regência de classe.

O benefício será pago por dois anos, prorrogáveis por mais dois, e sobre ele não incidirá contribuição previdenciária. Também não será utilizado para cálculo de aposentadoria e pensão. Poderão ser contemplados servidores que obtiverem desempenho individual satisfatório e que não possuem em seus registros funcionais mais de seis faltas injustificadas no ano letivo imediatamente anterior ao do início da percepção da vantagem. O setor de Recursos Humanos da Secretaria da Educação apreciará os pedidos e fará a publicação da lista de contemplados no Diário Oficial do Estado (DOE).